YAMAHA APRESENTA MOTOCICLETAS COM SELO, CORES E GRAFISMOS EM COMEMORAÇÃO OS 60 ANOS DA MARCA
São Paulo, 06 de outubro de 2015 – A Yamaha Motor Company nasceu, em 1995, da ilustre obra do visionário Genichi Kawakami, presidente da Nippon Gakki. Assim que foi desenvolvida a YA-1, a Yamaha estreou com brilho e vitória na prova da “3ª Subida do Monte Fuji”, que consolidou a frase declarada pelo seu fundador e que norteia todo o desenvolvimento promovido pela Yamaha: NADA ALÉM DO MELHOR. Desde então a Yamaha iniciou sua expansão e hoje é uma marca global com diversos produtos, tanto no mundo de duas rodas, quanto no mundo aquático e em outros segmentos. Atualmente, os produtos Yamaha são vendidos em mais de 200 Países e regiões, mudando o estilo de vida de cada consumidor, por meio do Kando, uma filosofia que tem como premissa despertar sensações únicas em cada pessoa que utilizar os produtos da marca. O emblema da Yamaha, um arranjo de três diapasões, usados para afinar instrumentos musicais, confirma o acabamento primoroso e singular que a marca realiza no desenvolvimento de cada um de seus produtos. No Brasil, a Yamaha está presente desde 1970, inicialmente como importadora de motocicletas, e depois, como a PRIMEIRA FABRICANTE de motocicletas a se instalar no País, com sua primeira sede em Guarulhos, São Paulo. Em Julho de 2015, a Yamaha completa 60 anos de atuação no mundo e para comemorar criou um selo, grafismos e colorização especiais para 4 modelos de grande sucesso da marca no mundo: a lendária e superesportiva YZF-R1, a Super Ténéré 1200 e os modelos de cross, YZ 250 e YZ 450. Todos serão expostos durante o Salão Duas Rodas, que acontece de 7 a 12 de outubro, no Anhembi, em São Paulo. O destaque da linha é a Super Ténéré 1200 60th Anninversary, que será vendida nas concessionárias Yamaha a partir de fevereiro de 2016.

Além disso, a Yamaha também criou linhas de vestuário e acessórios em comemoração aos 60 anos da marca, como: Linha Yellow Racing, com bonés, camiseta masculina e chaveiro, Linha 60 anos, com camisetas masculina e feminina e chaveiro, além de bonés classic line e relógio Yamaha. As peças serão lançadas e comercializadas no estande da Yamaha durante o Salão Duas Rodas.

DOWNLOAD PARA FOTOS: www.yamaha-motor.com.br/downloads/imprensa/yamaha_60_anos.zip

YAMAHA APRESENTA MOTOCICLETAS COM SELO, CORES E GRAFISMOS EM COMEMORAÇÃO OS 60 ANOS DA MARCA

Sobre a Yamaha Motor do Brasil A marca dos três diapasões – menção ao conhecido escudo com três diapasões sobrepostos, se estabeleceu no Brasil em 1970 com a Yamaha Motor do Brasil Ltda. Foi a primeira fabricante de motocicletas a se instalar efetivamente no País. Já em outubro de 1974 passou a produzir em Guarulhos, São Paulo, o primeiro modelo nacional, a Yamaha RD 50. Em 1985 se estabelece em Manaus, Amazonas com uma segunda unidade fabril, a Yamaha Motor da Amazônia Ltda. Hoje são 25 diferentes versões e 20 modelos de motocicletas, 07 ATV´s (quadriciclos), 09 WaveRunner (veículos aquáticos), 20 modelos de motores de popa e uma Rede com mais de 500 Concessionárias e pontos de venda autorizadas e capacitadas no atendimento e serviços com qualidade. O Grupo Yamaha Motor no Brasil é constituído por sete empresas, como a Yamaha Motor do Brasil Ltda, Yamaha Motor da Amazônia Ltda, Banco Yamaha Motor do Brasil S/A, Yamaha Administradora de Consórcio Ltda, Yamaha Motor do Brasil Corretora de Seguros Ltda, Yamaha Motor Componentes da Amazônia Ltda e Yamaha Motor do Brasil Serviços e Participações Ltda. Fazem parte do grupo também às filiais Yamaha Motor del Peru S/A, Yamaha Motor Uruguai S/A e Yamaha Motor Argentina S/A. A Yamaha do Brasil é um importante polo produtor e exportador para grupos seletos e exigentes como, Europa, Estados Unidos, Canadá, Japão, Oceania e Mercosul. Para mais informações, acesse www.yamahamotor.com.br, www.facebook.com/yamahamotorbrasil ou www.twitter.com/yamahamotorbra
YAMAHA LANÇA FACTOR YBR 150 – MODELO QUE COMBINA DESEMPENHO, ECONOMIA, CONFORTO E DESIGN A PREÇO ACESSÍVEL
São Paulo, 18 de setembro de 2015 – A Factor 150 chega robusta, potente, confortável e ao mesmo tempo econômica e bonita. O modelo foi pensado para ser uma eficiente ferramenta de trabalho, como também uma excelente companheira no dia-a-dia, além de ser uma excelente alternativa ao transporte público. O modelo oferece um desenho moderno, evidenciado pelas tomadas de ar injetadas em polipropileno com textura hexagonal esportiva e também pela lanterna traseira bipartida. Isso sem falar do completo painel de instrumentos 100% digital, que adotou como diferenciais o marcador de marchas e o conta-giros. Evolução natural da Factor 125, a Factor 150 da Yamaha oferecerá ao motociclista brasileiro – seja ele iniciante ou experiente – uma motocicleta revigorada para atender a principal categoria do mercado nacional: as streets de 150cc. Tudo isso por um preço bastante competitivo, entre R$ 7.390,00 na versão E, com rodas raiadas e freios a tambor, e R$ 7.990,00, para a ED, equipada com freio a disco na dianteira e rodas de liga-leve. No restante, as duas versões da motocicleta são idênticas. Assim há uma perfeita harmonia entre a funcionalidade do motor e ciclística, aliado à ergonomia e desenho moderno. Estes conceitos estabelecidos pela Yamaha fazem da Factor YBR 150 o conjunto completo e equilibrado entre os modelos streets de entrada.
Motor BlueFlex ainda mais econômico Para encarar o trânsito carregado dos grandes centros urbanos, a Factor 150 está equipada com motor monocilíndrico de 149,3 cm³ com comando único no cabeçote (SOHC), injeção eletrônica de combustível e arrefecimento a ar. É o mesmo propulsor que equipa a Fazer 150, porém com pequenas alterações para ser ainda mais econômico. Robusto, durável e com baixa manutenção, este já consagrado motor pode ser abastecido com gasolina, etanol ou com a mistura de ambos em qualquer proporção. Segunda geração do sistema BlueFlex, é capaz de produzir até 12,2 cv, quando alimentado com gasolina, e 12,4 cv com etanol, na mesma faixa de giro máxima: 7.500 rpm. O torque máximo é de 1,285 kgf.m com gasolina e 1,295 kgf.m com etanol, disponível a 5.500 giros.
YAMAHA LANÇA FACTOR YBR 150 – MODELO QUE COMBINA DESEMPENHO, ECONOMIA, CONFORTO E DESIGN A PREÇO ACESSÍVEL
Equipado com a segunda geração do motor BlueFlex de 150cc, o novo modelo street da Yamaha oferece design diferenciado, painel de instrumentos digital completo e preço competitivo.


Os departamentos de engenharia da marca do Brasil e do Japão atuaram em conjunto nos detalhes que resultam em economia e conforto, como por exemplo adotou uma relação secundária mais longa para otimizar a rotação do motor que resulta em melhor aproveitamento da potência e torque, principalmente em baixas rotações. Outro aprimoramento importante foi o ajuste do ponto de ignição. Além disso, em função do menor atrito entre as partes móveis e a melhor lubrificação interna, o motor conta com um baixíssimo nível de vibração, que também está diretamente ligado ao conforto do piloto. Tudo pensado para a redução do consumo de combustível, traduzido em maior eficiência energética e de acordo com as novas regras ambientais. Assim, o novo motor da Factor 150 também foi projetado para atender à segunda fase de emissões de gases e evaporativos do Promot 4, que entra em vigor a partir de janeiro de 2016. O modelo ganhou uma maior autonomia, já que o tanque de combustível passou de 14 litros para 16 litros, se comparado ao da Factor 125. Para finalizar, ambas as versões da Factor 150 – ED e E – adotaram câmbio de cinco velocidades, com transmissão final por corrente.
Ciclística equilibrada e conforto Montada sobre um quadro tipo diamante feito em aço, a Factor 150 traz um conjunto ciclístico bastante equilibrado. É formado por suspensão dianteira com garfo telescópico convencional e curso de 120 mm e suspensão traseira amortecida por sistema bichoque, com 92 mm de curso. Já o sistema de frenagem conta com disco de 245 mm de diâmetro de acionamento hidráulico e freio traseiro a tambor, com 130 mm de diâmetro, de acionamento mecânico, isso na versão “ED”. Na versão “E”, a moto traz freios a tambor em ambas as rodas. Para atuar em conjunto com o sistema de absorção, a nova Factor 150 adotou pneus de medidas 90/90-18, o mesmo que calça a Factor 125. A ideia de adotar esta medida está diretamente ligada à reposição do componente, já que este pneu oferece melhor custo-benefício, proporcionando economia também no momento da manutenção da motocicleta.
Ergonomia e conforto No quesito ergonomia, a Factor 150 traz posição de pilotagem mais relaxada e confortável. A nova street de 150 cc recebeu ainda um assento em dois níveis e com espuma de maior densidade, o que reflete em um maior nível de conforto. Em função do novo banco mais


anatômico, e em harmonia com a alça 180º para a garupa, o passageiro rodará com mais conforto e segurança.
Design inovador e completo painel A Factor 150 destaca-se também pela excelente integração entre o conjunto formado pelo tanque de combustível e as tomadas de ar injetadas em polipropileno com textura hexagonais, que transmite maior volume e robustez ao conjunto, seguindo os preceitos adotados nas motos de maior capacidade cúbica da marca. Para completar o conjunto, a Factor 150 conta com farol esportivo, lanterna traseira bipartida e rabeta mais afilada. Já o painel de instrumentos é um capítulo à parte. Completo e com mostrador totalmente digital esbanja tecnologia e proporciona boa visualização das informações. Traz indicador de marchas, relógio, hodômetro parcial e total e função fuel trip, que inicia uma contagem progressiva a partir do momento que o combustível do tanque da motocicleta entra na reserva. Além, é claro, de luzes espia, farol alto e injeção eletrônica. Para uma maior segurança do piloto, a Factor 150 foi equipada com lampejador de farol alto. Outro grande diferencial é a adoção do conta-giros sensoriado, que dispensa o uso de cabo. A tarefa fica a cargo de um sensor instalado no motor que, por intermédio da ECU, o cérebro eletrônico da moto, calcula a rotação do motor. Para orientar o piloto a uma condução ainda mais econômica, a Factor 150 traz, seguindo o padrão adotado nas motos de maior capacidade cúbica, o indicador ECO no painel de instrumentos, cujo indicador acende quando o motor trabalha na faixa de rotação de maior eficiência.
Cores A Factor 150 2016 chega com cores modernas e vibrantes. A versão ED, com rodas de liga e freio a disco, conta com quatro opções de cores: branca, laranja, preta e vermelho. Já a versão E – rodas raiadas e freio a tambor em ambas as rodas, está disponível em três opções: branca, preta e vermelha. Vale destacar que as duas versões têm lampejador de farol alto, partida elétrica e um generoso protetor sob o escapamento (anti-queimadura), também injetado em plástico de alta resistência, baixo nível de condução de calor e design que combina com a proposta urbana da moto.


Evolução da linha YBR A família YBR nasceu em 2000 como a primeira motocicleta Yamaha com motor quatro tempos fabricada no Brasil. Em pouco tempo já era reconhecida como um dos melhores produtos de sua categoria. A evolução continuou e no final de 2008 surgiu a Factor YBR 125, um dos principais modelos em sua categoria. Em 2013 foi apresentada a segunda geração do produto, que trazia ajustes no design, conforto e proporcionando maior economia. Com clientes fiéis a YBR está há mais de 15 anos na vida dos brasileiros. Agora, com a Factor 2016, a Yamaha oferece um produto racional, econômico, confortável e com peças de reposição de baixo custo. Herança da tradição da Yamaha, que foi a pioneira na fabricação de motocicletas em território nacional. O fato histórico aconteceu em 1974 com o lançamento da pequena RD 50, que nasceu na linha de produção da Yamaha em Guarulhos (SP).
Revisão Preço Fixo O modelo também conta com a exclusiva Revisão Preço Fixo Yamaha, na qual o cliente sabe exatamente quanto pagará desde a primeira até a sétima revisão (até os 30.000 quilômetros), permitindo controle, economia, valorização do modelo e maior segurança. Além disso, a Factor 150 possui uma linha de peças de reposição Y-TEQ, com qualidade Yamaha e preços mais em conta.
Consórcio O Consórcio Yamaha lança o PLANO SOU + YAMAHA para a nova Factor 150. O grande destaque deste plano de 60 meses é a contemplação de 2 motos por sorteio, 3 motos por lance fixo de 25% e até 10 motos por lance livre. As contemplações mensais podem chegar até 20 motos na inauguração e até 15 motos mensais nas assembleias seguintes, conforme saldo de caixa do grupo. As vendas começam a partir de 05 de outubro de 2015, em toda a Rede Yamaha e o plano também poderá ser adquirido no site do Consórcio Yamaha pelo endereço: www.consorcioyamaha.com.br.
Factor 150 para frotas A Yamaha também realiza a venda de motocicletas para frotas. Para saber mais, entre em contato por email: vendas.frotista@yamaha-motor.com.br


DOWNLOAD PARA FOTOS: www.yamaha-motor.com.br/downloads/imprensa/factor150.zip
FICHA TÉCNICA YAMAHA YBR 150 FACTOR

MOTOR E ED
Tipo 4 tempos, SOHC, Refrigerado a ar, 2 válvulas, 1 cilindro
Cilindrada real 149,31cc
Diâmetro x curso 57,3 X 57,9  mm
Taxa de compressão 9,58:1
Potência máxima 12,2  cv (  7.500  rpm)  (Gasolina)
12,4  cv (  7.500  rpm)  (Etanol)
Torque máximo 1,285  kgf.m/  5.500  rpm (Gasolina)
1,295  kgf.m/  5.500  rpm (Etanol)
Sistema de lubrificação Cárter Úmido
Embreagem Multi-disco, Úmida
Alimentação Injeção Eletrônica
Câmbio 5 velocidades
Transmissão primária / secundária Engrenagens / Corrente
Combustível Gasolina/Etanol
Bateria 12V 5 Ah
Sistema de ignição TCI
Sistema de partida Elétrica
CHASSI    
Tipo do Chassi Diamante
Suspensão dianteira / curso Garfo telescópico / 120mm
Suspensão traseira / curso Balança traseira / 92mm
Trail 86 mm
Freio dianteiro Tambor mecânico de 130mm de diâmetro Disco hidráulico de 245mm de diâmetro
Freio traseiro Tambor mecânico de 130mm de diâmetro Tambor mecânico de 130mm de diâmetro
Pneu dianteiro METZELER/ME STREET 2.75-18 M/C (42P)
Pneu traseiro METZELER/ME STREET 90/90-18 M/C (57P)
DIMENSÕES    
Comprimento x Largura x Altura 2.015mm x 735mm x 1.075mm 2.015mm x 735mm x 1.085mm
Distância entre eixos 1.325mm
Altura do assento 785mm
Raio mínimo de giro 2.200mm
Altura mínima do solo 175mm
Peso Líquido (ordem de marcha) 126kg
Capacidade do óleo do motor 1,25 litros
Capacidade do tanque de combustível 15,7 litros
GERAL    
Cores Preto Eclipse
Vermelho Metálico
Sports White (Branco)
Preto Eclipse
Vermelho Metálico
Sports White (Branco)
Laranja Metálico
Painel de Instrumentos Painel completo e totalmente digital: Função ECO que indica uma pilotagem mais econômica, velocímetro, hodômetro e parcial e total e função fuel trip, indicador de marcha, marcador do nível de combustível, relógio, conta-giros sensoriado (dispensa o uso do cabo)

Sobre a Yamaha do Brasil A marca dos três diapasões – menção ao conhecido escudo com três diapasões sobrepostos, se estabeleceu no Brasil em 1970 com a Yamaha Motor do Brasil Ltda. Foi a primeira fabricante de motocicletas a se instalar efetivamente no País. Já em outubro de 1974 passou a produzir em Guarulhos, São Paulo, o primeiro modelo nacional, a Yamaha RD 50. Em 1985 se estabelece em Manaus, Amazonas com uma segunda unidade fabril, a Yamaha Motor da Amazônia Ltda. Hoje são 25 diferentes versões e 20 modelos de motocicletas, 07 ATV´s (quadriciclos), 09 WaveRunner (veículos aquáticos), 20 modelos de motores de popa e uma Rede com mais de 500 Concessionárias e pontos de venda autorizadas e capacitadas no atendimento e serviços com qualidade. O Grupo Yamaha Motor no Brasil é constituído por sete empresas, como a Yamaha Motor do Brasil Ltda, Yamaha Motor da Amazônia Ltda, Banco Yamaha Motor do Brasil S/A, Yamaha Administradora de Consórcio Ltda, Yamaha Motor do Brasil Corretora de Seguros Ltda, Yamaha Motor Componentes da Amazônia Ltda e Yamaha Motor do Brasil Serviços e Participações Ltda. Fazem parte do grupo também às filiais Yamaha Motor del Peru S/A, Yamaha Motor Uruguai S/A e Yamaha Motor Argentina S/A. A Yamaha do Brasil é um importante polo produtor e exportador para grupos seletos e exigentes como, Europa, Estados Unidos, Canadá, Japão, Oceania e Mercosul. Para mais informações, acesse www.yamahamotor.com.br, www.facebook.com/yamahamotorbrasil ou www.twitter.com/yamahamotorbra
YAMAHA ACELERA O MERCADO DE DUAS RODAS Confira os últimos releases divulgados pela marca anunciados antes do Salão Duas Rodas 2015.

NOVA YAMAHA YZF-R3 Com motor de 321cc, 42cv e DNA Yamaha R-series, a nova motocicleta é a supersport para todos os dias
São Paulo, 02 de Agosto de 2015. A Yamaha passa a produzir no Brasil o modelo global YZFR3, que se destaca pelo design e excelente performance. Com admirável relação entre peso e potência, a R3 é uma motocicleta de alto desempenho, agilidade e fácil dirigibilidade, desenvolvida para pilotos iniciantes ou mais experientes, que desejam uma superesportiva para todos os dias. Seu visual expressa o DNA Yamaha R-series, em linha com a mais nova e mundialmente famosa YZF-R1, exibe um design moderno e agressivo, com linhas aerodinâmicas e estilo de uma autêntica superesportiva da Yamaha.

A R3 é equipada com motor de 321cc, 2 cilindros em linha, 4 tempos, DOHC, arrefecimento líquido, 4 válvulas por cilindro e injeção eletrônica. Com potência máxima de 42cv e torque de 3,02kgf.m, o motor possui materiais nobres para extrair sua melhor performance com menor peso, menos vibração, mais conforto e melhor dissipação de calor, como os pistões forjados em alumínio e o cilindro com a tecnologia DiASil Yamaha, fabricado com 80% de Alumínio e 20% de Silício.

O sistema de admissão Downdraft Intake direciona o ar de forma descendente ao motor, em conjunto com a injeção eletrônica e ECU digital de 16 Bit, trabalhando em perfeita sincronia para uma rápida e eficiente queima de combustível, proporcionando performance excepcional de baixas a médias rotações, e notável aceleração em altas rotações, resultando em uma pilotagem divertida e com uma excelente combinação entre desempenho e consumo de combustível. O chassi é do tipo diamante, fabricado com tubos de aço de alta qualidade, proporciona resistência e simetria; é leve, slim, compacto e sustenta o melhor equilíbrio entre força e rigidez, garantindo uma pilotagem esportiva, ágil e com muita estabilidade.

Disponível nas versões standard e ABS, a R3 possui freios a disco nas duas rodas, sendo o dianteiro flutuante de 298mm, e o traseiro com 220mm de diâmetro, os quais propiciam um alto poder de frenagem.

A suspensão dianteira possui 130mm de curso e tubos internos de 41mm de diâmetro,

NOVA YAMAHA YZF-R3 Com motor de 321cc, 42cv e DNA Yamaha R-series, a nova motocicleta é a supersport para todos os dias

YAMAHA ACELERA O MERCADO DE DUAS RODAS Confira os últimos releases divulgados pela marca anunciados antes do Salão Duas Rodas 2015.

proporcionando mais conforto, robustez, estabilidade e controle durante a pilotagem. Já o garfo traseiro, com formato moderno e assimétrico, possui 573mm de comprimento e dá à R3 a mesma relação de distância entre-eixos da R1, concedendo melhor entrega de potência na roda traseira. Com um curso de roda de 125mm, a suspensão traseira é do tipo Monocross e forma um conjunto leve e compacto que contribui para melhor centralização de massa, transmitindo ao piloto uma sensação agradável durante a aceleração e desaceleração, um dos pontos fortes na condução da R3. Além disso, o amortecedor traseiro ainda possui ajuste de pré-carga em sete posições para adequar-se ao tipo de pilotagem, terreno e carga.

DNA R-Series O design da R3 origina-se do DNA Yamaha R-series. Integrando os faróis duplos arrojados e uma luz de posição exclusiva, o design agressivo da carenagem dianteira foi desenvolvido em camadas que percorrem às laterais, direcionando o fluxo de ar com o mínimo de resistência enquanto também arrefece o motor; transmite uma forte imagem de aderência e baixo centro de gravidade na parte frontal, expressando também toda a sua agilidade, performance e esportividade. As linhas aerodinâmicas permeiam por toda a máquina até a traseira, que exibe um recorte elevado, remetendo leveza e modernidade ao revelar sua lanterna em LED, e ainda reforça a sua esportividade com o formato característico do assento bipartido. O assento é slim e fica a apenas 780mm do solo, facilitando manobras mais curtas e alcance ao solo com a moto parada. No banco superior, há alça para o garupa e duas travas-capacete que concedem mais comodidade e segurança aos passageiros. O design da R3 também colabora para uma posição de pilotagem esportiva, porém mais ereta e confortável, mesmo dentro do trânsito intenso das cidades. Completando sua esportividade, as rodas de 10 pontas e 17 polegadas são fabricadas em alumínio fundido, com pneus tubeless, que garantem menor peso e estabilidade para todo o conjunto.

Painel Multi-funcional com características da R1 Iluminado por LED, o painel da R3 é completo e possui Shift Light, como na R1, pode ser ajustado de acordo com a preferência do piloto, que pode optar pelo tipo de acendimento (luz fixa, piscante e strobe), há 3 níveis de luminosidade, com acionamento a partir do RPM desejável (a partir de 7.000rpm), entre outras opções. Com conta-giros analógico à esquerda e display LCD à direita, o painel conta com indicador de marcha, nível de combustível, temperatura da água, relógio, hodômetro total e dois parciais, indicador de troca de óleo, consumo médio e instantâneo de combustível e muito mais.

Produzida na fábrica da Yamaha em Manaus (AM), a nova YZF-R3 chega ao País, com 3 opções de cores: A Midnight Black (preta) é elegante, com esquema de cores mais discreto e visual high-tech; A Rapid Red (Vermelha e Branca) apresenta maior contraste de cores, com faixas dinâmicas que incitam adrenalina; e a Racing Blue (Azul e Prata Fosco), que herda a imagem global dos modelos mais recentes de competição da Yamaha, consagrando o cenário das pistas. O novo modelo estará disponível, na versão standard, a partir da segunda quinzena de setembro nas concessionárias Yamaha pelo preço sugerido de 19.990,00 + frete. A versão com ABS chega às concessionárias Yamaha a partir da segunda quinzena de novembro pelo preço sugerido de R$ 21.990,00 + frete.

Condições Especiais de Compra Seguro O novo modelo conta com seguro com preço fixo, por R$ 2.000,00 (dois mil reais), que pode ser quitado à vista ou parcelado em 12 vezes fixas. Não há taxa de adesão, sem análise de perfil e sem franquia. As regiões que contemplam esse seguro são: SP, RJ, Campinas e Baixada Santista. O seguro cobre roubo e furto, com base na tabela Fipe, tem assistência 24 horas e ainda conta com rastreador Ituran.

Financiamento Banco Yamaha O Banco Yamaha preparou condições exclusivas para o modelo R3, com entrada a partir de 20% e planos de financiamento em até 48 meses e taxa de juros a partir de 1,79%. Somente no Banco Yamaha o cliente tem os diferenciais: Único Banco Especializado em Financiamentos de motos Yamaha Rapidez na análise de crédito Condições exclusivas para os modelos Yamaha Disponível em toda rede de concessionários Taxas e condições diferenciadas

Consórcio O Consórcio Yamaha lança o PLANO PREMIUM SOU + R3 para a nova Yamaha R3. O grande diferencial deste plano para o mercado é a taxa de administração de apenas 0.20% a.m. ou 12% no total de 60 meses, o que torna o plano extremamente atraente com uma das menores taxas do mercado, além de facilitar o acesso ao Novo Modelo de forma mais democrática, pagando uma parcela muito acessível (a partir de R$ 424,78 por mês, na versão Standard). Outro benefício deste plano é o número de contemplações mensais que podem chegar até 13 motos na inauguração e nas Assembleias seguintes até 10 Motos mensais conforme saldo de caixa do grupo. As vendas começam a partir de 03 de agosto de 2015, em toda a Rede Yamaha e o plano também poderá ser adquirido através da Venda On Line pelo endereço: www.consorcioyamaha.com.br.

Download para fotos - acesse: www.yamaha-motor.com.br/downloads/imprensa/r3.zip

Para mais informações, fotos e ficha técnica – Acesse: http://www.yamahamotor.com.br/acontece/sala-de-imprensa/press-releases

São Paulo, 06 de fevereiro de 2015. A Yamaha amplia a família MT (Master of Torque) e lança no mercado brasileiro a MT-07. O público que já conta com a MT-09 desde o ano passado, agora passa a ter mais uma opção da marca dos três diapasões. O modelo se destaca pelo design singular e agressivo, performance e tecnologia de ponta, altas características da família MT. A MT-07 exibe força e linearidade com seus dois cilindros, proporcionando facilidade de pilotagem, graças ao excelente torque, resultando em agilidade, diversão e esportividade. O compacto e potente motor, proporciona alta performance, enquanto o peso reduzido e a massa centralizada combinam perfeitamente, garantindo agilidade e facilidade na hora da pilotagem.

Tudo isso a um preço muito acessível. No Brasil, a MT-07 estará disponível em toda a rede de concessionárias Yamaha nas cores Matt Grey (Cinza Fosco), Competition White (Branco) e Racing Red (Vermelho) com preço público sugerido de R$27.990,00 + frete na versão standard e R$29.990,00 + frete na versão com freios ABS.

Torque linear, motor compacto e leve Desenvolvido especialmente para a MT-07, o motor DOHC quatro tempos com dois cilindros em linha, baseado na tecnologia Crossplane, conta com refrigeração líquida, quatro válvulas por cilindro, sendo 8 válvulas no total, e 689 cilindradas que alcançam 74,8 cv atingidos a 9.000 rpm e torque de 6,9 kgfm a 6.500 rpm. O conceito Crossplane - utilizado em outras motocicletas Yamaha, inclusive na motocicleta campeã do MotoGP, a M1 - foi pensado para melhorar o torque e entrega de potência do motor. O virabrequim conta com um ângulo de 270° o que cria um intervalo irregular nas explosões que movem os pistões, promovendo um movimento continuo em seus respectivos ciclos. Isso cria um som característico e estimulante e, mais importante, soma os movimentos e inércia interna do motor para que o piloto experimente a força da combustão e a entrega do torque em cada uma das seis marchas do seu câmbio. Seu sistema de exaustão foi pensado para trazer excelente performance e centralização de massa, mantendo a motocicleta compacta e leve, com seus dois tubos, câmara e ponteira que emite um som agradável e instigante.

Design Leve e potente é o que define o desenho da MT-07. Ela conta com apenas 179Kg na versão

YAMAHA LANÇA MT-07 Sucesso mundial, entrega 689 cc, 2 cilindros, 74,8 cv, 6,9kgf.m e design inconfundível e único da família MT – Master of Torque

standard e 182kg na versão com ABS em ordem de marcha. O quadro de aço exclusivo foi projetado para ser leve, compacto, fino e ágil, contribuindo para um controle e pilotagem mais suave. O motor faz parte da estrutura do chassi, o que permite boa performance, redução de massa e consequente melhora no centro de gravidade e a posição de pilotagem. A MT-07 foi desenhada levando em conta um conceito de duas linhas, uma superior, em que a motocicleta expressa a unidade entre piloto e máquina, e a inferior, aludindo à beleza funcional do seu conjunto mecânico de máximo torque e força. Outro atributo que chama a atenção no modelo e é característico da família MT é o desenho em forma de “Z” formado pelas entradas de ar e a ponteira do escapamento. O chassi - aliado à distância entre eixos de apenas 1400mm, suas rodas chamativas de alumínio com aros de dez pontas e seu sistema de suspensões - contribuem para uma motocicleta de fácil dirigibilidade, ágil para o trânsito do dia-a-dia e com um conjunto que agrada aos olhos. A suspensão traseira é do tipo Monocross com link progressivo com 130mm de curso, o que deixa a motocicleta mais leve e compacta, dispensando o uso de outras peças. O amortecedor é posicionado em alinhamento quase horizontal. Essa posição única contribui com a centralização de massa e uma estrutura mais estreita. A MT-07 conta com nove posições de ajustes permitindo ao piloto uma configuração ideal para a condução do modelo. A suspensão dianteira é do tipo garfo telescópico, com as mesas em alumínio, 130mm de curso e 35mm de diâmetro interno. O conjunto também contribui para a leveza da motocicleta, mais agilidade e design compacto. Isso torna a motocicleta mais estável mesmo em pisos irregulares. Seu assento, com 805mm de altura, bipartido em dois níveis, oferece jornadas agradáveis ao piloto e garupa. O tanque de 14 litros é protegido por uma carenagem especial colaborando também para tornar a motocicleta mais leve.

Freios e elétrica O sistema de freios da MT-07, tanto na versão STD quando a ABS, conta com dois discos flutuantes de 282mm e 4 pistões hidráulicos em cada pinça na roda dianteira e um disco de 245mm na traseira. O painel da MT-07 é completo e exclusivo. Com display em LCD e iluminado por LEDs, totalmente digital, conta com relógio, indicadores de marcha e combustível; outro destaque é o conta giros em barras entre 4.000 a 8.000 rpm indica, além da rotação, a faixa de maior torque. Ainda tem, odômetro total e parcial, consumo médio, consumo instantâneo, odômetro parcial de reserva de combustível, temperatura do liquido de arrefecimento, temperatura do ar de admissão e o indicador “Eco”, que mostra quando a motocicleta está consumindo de maneira eficiente o combustível considerando rotação do motor, ângulo de abertura da borboleta, velocidade da motocicleta e marcha. Com o conjunto ótico, sendo, o da frente compacto e multi-refletor e a lanterna traseira em LED, expressa uma aparência elegante, leve e moderna. No guidão, o botão de partida é inovador e igual ao da MT-09, seus retrovisores são angulados e o sinalizador de farol alto em formato de gatilho.

Seguro com Preço Fixo Uma grande novidade para os consumidores da MT-07 é a possibilidade de garantir o modelo com seguro com preço fixo. A Yamaha Corretora de Seguros em parceria com a Seguradora Cardif apresentam condições especiais para os motociclistas da MT-07 que, a partir de agora, podem pelo valor de R$3.000,00 (para os estados de São Paulo e Rio de Janeiro) contar com a cobertura de 12 meses contra roubo e furto com assistência 24 horas; limite de indenização do seguro correspondente a 80% da tabela FIPE; instalação de rastreador Ituran em todas as motos seguradas. A condição de pagamento pode ser à vista ou em 12 parcelas fixas no cartão de crédito.

Acessórios A linha de Acessórios Originais Yamaha da MT-07, foi desenvolvida especialmente para combinar com o design da motocicleta, aliando esportividade, conforto e proteção.

A nova coleção Lifestyle MT, inspirada no tema “Dark Side of Japan”, apresenta uma gama de vestuário ideal para os pilotos desta máquina, como as jaquetas MT-Techno, MT-Tattoo e as luvas MT, além da série casual street wear que inclui uma blusa com capuz, camiseta, bandana, chaveiros do emblema e da jaqueta MT, além de bonés e capas para smartphones, tudo caracterizado com o design MT-Tattoo. Confira todos os acessórios: http://www.acessoriosyamaha.com.br/ Para mais informações, fotos e ficha técnica – Acesse: http://www.yamahamotor.com.br/acontece/sala-de-imprensa/press-releases

São Paulo, 12 de setembro de 2014. A Yamaha lança no mercado brasileiro a MT-09 (Master of Torque), que chega para atender o consumidor que valoriza design, performance e tecnologia de ponta. A MT-09 exibe força e linearidade com seus três cilindros e permite uma dirigibilidade excepcional graças ao potente torque em baixas e médias rotações, podendo ser desfrutada no dia-a-dia da cidade ou em estradas mais sinuosas, integrando agilidade e esportividade.

A MT-09 traduz um conceito inovador que combina elementos característicos de modelos esportivos, naked e motard. Seu compacto e potente motor, unido ao leve chassi de alumínio, proporcionam ótimo desempenho para pilotos que buscam emoção. É ágil e fácil de controlar devido ao peso reduzido e à massa centralizada. Seu design é ergonômico, com altura de assento de apenas 815 mm.

No Brasil, a MT-09 estará disponível na rede de concessionárias, nas cores Matt Grey (Cinza Fosco), com preço público sugerido de R$ 37.990,00 + frete; e duas cores especiais: Deep Armor (Roxo Metálico), e Blazing Orange (Laranja Metálico) com preço público sugerido de R$ 38.690,00 + frete, que possuem garfos dianteiros na cor dourada, faixa exclusiva no tanque com o logo “MT”, e emblema “Yamaha” em alto relevo.

Desempenho Seu motor de três cilindros com notáveis 115 cv de potência, quatro tempos DOHC e doze válvulas traz à realidade o conceito do produto: “Synchronized Performance Bike”, ou seja, oferece performance em sincronia com a vontade do piloto.

Sua principal característica é desenvolver torque e potência com linearidade, o que permite que a MT-09 apresente leveza, ergonomia, agilidade e fácil de pilotagem. São apenas 191 quilos incluindo todos os fluídos.

O motor conta com a tecnologia “Crossplane”, que oferece potência de forma mais linear e com menor vibração devido ao eixo balanceador, proporcionando altos níveis de torque, com mais conforto na pilotagem e menor desgaste de peças.

YAMAHA LANÇA MT-09 Sucesso no exterior, o novo modelo de 850cc, 115cv e 8,92 kgf.m de torque chega ao mercado brasileiro com seus três cilindros e design único

O combustível é injetado na câmara de combustão como um “spray micrométrico” por meio de doze orifícios instalados em cada um dos três bicos injetores. Isso permite alta precisão e eficiência de combustão resultando em desempenho excepcional.

Unido a esse compacto sistema de injeção, o sistema YCC-T (Yamaha Chip Controlled – Throttle) detecta as menores ações do piloto por meio do acelerador e transmite os dados para a ECU (Eletronic Control Unit), que calcula instantaneamente o quanto de combustível deve ser injetado no motor e o quanto de ar deve entrar no sistema. Isso permite uma integração homemmáquina, onde potência e dirigibilidade ficam sob total controle do condutor. Este é um dos grandes diferenciais dela.

A MT-09 também é equipada com a tecnologia Yamaha D-MODE (Drive Mode), com três opções: STD, A e B a serem escolhidos de acordo com o estilo de pilotagem de cada um:


•STD: Opção que cobre várias situações de pilotagem, entregando torque firme e contínuo tanto de baixas a altas velocidades;
•A: Mais agressivo do que o modo STD, entrega resposta contundente;
•B: Brando, se comparado ao STD, este modo proporciona uma pilotagem mais moderada.

A suspensão traseira é do tipo Monocross com link, e 130 mm de curso de roda. O amortecedor é posicionado em alinhamento quase horizontal. Essa posição única contribui com a centralização de massa e uma estrutura mais estreita.

A suspensão dianteira é do tipo upside-down, com 41 mm de diâmetro interno e curso de 137mm. Esse conjunto garante uma pilotagem mais confortável em pisos irregulares, estradas ou curvas sinuosas. Seu assento em dois níveis também oferece, tanto ao piloto quanto ao garupa, jornadas mais agradáveis.

Com sistema de freios ABS (Antilock Breaking System) de série, essa moto conta com dois discos flutuantes de 298mm e 4 pistões em cada pinça dianteira, e um disco de 245mm na traseira. Os pedais do freio e do câmbio são de alumínio forjado – mais leves e que garantem a rigidez do sistema, oferecendo um balanço ideal para melhor controle.

O chassi, em formato diamante e a balança traseira também são em alumínio. Outros componentes da MT-09 foram projetados para colaborar com a redução de peso, como a tampa do cabeçote produzida em magnésio e sistemas compactos, como o do respiro integrado à tampa de válvulas – mais próximo do filtro de ar – que permite uma grande redução no sistema de mangueiras e tubos de passagens, por exemplo.

Design O design Yamaha nasce a partir do que a marca denomina "visualização de performance". Por exemplo, um design esportivo que por si só transmite a sensação de velocidade, agilidade e leveza.

Com base neste conceito, a MT-09 foi desenvolvida dentro do desafio de unificar em um modelo híbrido os padrões de naked e motard. Trazendo como resultado:
•Expressividade da leveza na dirigibilidade;
•Facilidade de movimentação para qualquer direção fornecida pelo projeto que visou a concentração de massa;
•Perfil esguio e moderno;
•Assento plano com versatilidade de off-road para utilização em vários cenários de pilotagem.

Elétrica O painel da MT-09 é completo, totalmente digital e conta com indicadores de marcha, combustível, posição do D-mode, conta giros, hodômetro total e parcial, média de consumo, consumo de combustível instantâneo, contagem regressiva de Km em “reserva”, temperatura da água do radiador e temperatura do ar de admissão.

O farol é multi-refletor e a lanterna composta por lâmpadas de LED que trazem mais leveza e modernidade ao conjunto.

Acessórios Com o lançamento de novos modelos, a Yamaha passa a oferecer no Brasil sua mais ampla e diversificada linha de Acessórios Genuínos e Vestuário Técnico e Casual. Todos os produtos foram concebidos para satisfazer e inspirar os clientes que querem personalizar a sua Yamaha e viver intensamente o mundo das duas rodas.

Os acessórios da MT-09 foram projetados em perfeita harmonia com o design da motocicleta, aliando esportividade, conforto e proteção, deixando no consumidor a sensação de ter adquirido um produto único, de estilo agressivo, pensado para ele em todos os detalhes.

A linha de acessórios da MT-09 é ampla e pode ser adequada para diferentes estilos, como “Speed”, “Techno” e “Touring”. Composta de itens personalizados, como os sliders exclusivos, protetor do radiador e da tomada de ar, para-brisa esportivo, um conjunto de bolsas e malas, entre outros.

Além disso, a nova coleção Lifestyle MT, inspirada no tema “Dark Side of Japan”, apresenta uma gama de vestuário com proteção, que compreende as jaquetas MT-Techno, MT-Tattoo e as luvas MT.

Esta alta qualidade é complementada por uma série casual street wear que inclui uma blusa com capuz, camiseta, bandana, chaveiros do emblema e da jaqueta MT, além de bonés e capas para Smartphones - tudo caracterizado com o design MT Tattoo.

Para mais informações, fotos e ficha técnica – Acesse: http://www.yamahamotor.com.br/acontece/sala-de-imprensa/press-releases

São Paulo, 05 de maio de 2015. A XTZ 250 Ténéré chega ainda mais versátil em seu modelo 2016. Já reconhecida por ser um modelo confortável, de fácil pilotagem, com boa autonomia e digna representante da aventureira família Ténéré, o modelo conta agora com a tecnologia BlueFlex, que permite o abastecimento com gasolina, etanol ou a mistura de ambos os combustíveis em qualquer proporção. Outra grande novidade é a nova traseira da Ténéré 250, que ganhou novo bagageiro com capacidade de carga aumentada de 4,7 kg para 7,0 kg (incluindo peso do bauleto) e alças de apoio lateral mais ergonômicas, em alumínio, nova lanterna em LED e protetor de escapamento em preto fosco. O novo desenho da chave e a introdução do moderno painel totalmente digital com iluminação branca em LED, inspirado no conjunto que equipa a Super Ténéré 1200, ainda traz outra novidade: indicador ECO, que acende quando o motor trabalha na faixa de rotação de maior eficiência, indicando uma pilotagem mais econômica. O conjunto ainda traz informações como velocímetro e hodômetros com funções: total, duas parciais (TRIP-1 e TRIP-2) e “Fuel Trip” (de reserva de combustível), relógio e tacômetro de excelente visualização, além das luzes de indicadores (piscas, Blueflex, farol alto, neutro e alerta de motor). A motocicleta conserva características que a consagraram no segmento de 250 cilindradas. Entre elas, o assento de formato ergonômico, os faróis duplos alusivos ao do modelo Super Ténéré 1200, o para-brisa, que protege o piloto, e o tanque, com a prática tampa em estilo airplane, e capacidade para 16 litros, sendo 4,8 de reserva. Já os grafismos, mais dinâmicos, valorizam o nome Ténéré, referência entre modelos aventureiros e que significa deserto no idioma Tuaregue. A Ténéré 250 está disponível nas cores: o tradicional azul, além do branco e cinza fosco e, agora também, na cor marrom metálico, pelo preço sugerido de R$ 15.015,00 + Frete. O modelo tem garantia de um ano sem limite de quilometragem.

Novo motor BlueFlex A Ténéré 250 agora conta com a avançada tecnologia BlueFlex. Seu propulsor monocilíndrico, de arrefecimento misto, uma vez que conta com o auxílio de um radiador de óleo, de 249,45 cm³, com comando simples no cabeçote (SOHC), tem potência máxima gerada de 20,7 cv quando abastecida com gasolina e de 20,9 cv em caso de o motor ser alimentado com etanol,

TÉNÉRÉ 250 Modelo 2016 trail recebeu, além da tecnologia bicombustível, nova traseira e painel 100% digital, novas cores e grafismos ambos atingidos a 8.000 rpm. O torque, por sua vez é de 2,1 kgf.m quando com etanol e 2,09 kgf.m quando gasolina, disponíveis a 6.500 giros. O motor com pistão forjado em alumínio e cilindro revestido de cerâmica, material similar ao de motos de competição, que diminui o atrito e dispersa o calor com mais eficiência, o que aumenta sua confiabilidade. A Ténéré 250 passa a adotar a luz BlueFlex no painel. Esta, quando acesa de maneira permanente, indica que o Sistema Yamaha de Segurança está em funcionamento. Nessa situação, o condutor deverá aguardar que a luz BlueFlex se apague para engatar uma marcha. Caso o mesmo engate uma marcha com a luz acesa o motor será desligado automaticamente pelo sistema.

Ciclística trail O conjunto ciclístico acertado da Ténéré 250 permanece para 2016 e conserva o garfo telescópico dianteiro com curso de 220 mm, que traz protetores de bengala emborrachados. Já a suspensão traseira faz uso de balança monoamortecida tipo monocross com link, cujo curso da roda é de 200 mm. Facilmente ajustável, a suspensão traseira tem sistema de regulagem na pré-carga da mola. Nos freios, o destaque fica por conta do sistema hidráulico com disco dianteiro de 245 mm de diâmetro e pinça com dois pistões e na traseira um disco de 203 mm de diâmetro com pinça de pistão único. As rodas raiadas em aço oferecem segurança em vias sem asfalto. As mesmas calçam pneus Metzeler Tourance, com medidas 80/90-21 M/C 48S na dianteira e 120/80-18 M/C 62S na traseira, com aptidão também para deslocamentos em vias pavimentadas. A nova Ténéré 250 chega, portanto, a um novo patamar de tecnologia para marcar época na renomada família de motocicletas aventureiras

Visite nossa página e conheça mais sobre a Ténéré 250: http://yamahamotor.com.br/tenere/tenere_250

Para mais informações, fotos e ficha técnica – Acesse: http://www.yamahamotor.com.br/acontece/sala-de-imprensa/press-releases

São Paulo, 05 de maio de 2015. O modelo 2016 da Lander 250 ficou ainda melhor. Além do forte apelo off-road, alusivo aos modelos de competição da Yamaha, a motocicleta de 250 cc agora conta com a nova geração do sistema BlueFlex, que permite abastecer a motocicleta com gasolina, etanol ou com a mistura dos dois combustíveis. E, para coroar a mudança, a Lander 250 recebeu novo painel, piscas cristal e grafismos ainda mais impactantes aplicados às novas cores branca e cinza, que se somam às opções azul e laranja, já disponíveis.

O estilo trail com disposição para encarar terrenos desafiadores, já impresso no DNA dos modelos da Yamaha, ainda é a característica mais marcante da Lander 250. Logo, a robustez conferida pelo para-lama alto, pelas rodas raiadas e o garfo dianteiro com protetores de borracha, continua presente. Bem como a agilidade conferida por seu porte esguio.

Com preço sugerido de R$14.150,00 + Frete, a Lander 250, continua oferecendo excelente relação custo-benefício. Disponível em versão única.

Motor bicombustível A nova Lander 250 é equipada com motor monocilíndrico de 249,45 cm³ com comando simples no cabeçote (SOHC) e de arrefecimento misto, uma vez que conta com o auxílio de um radiador de óleo. O motor com pistão forjado e cilindro revestido de cerâmica dispersiva de calor é capaz de gerar até 20,7 cv quando alimentado com gasolina e 20,9 cv com etanol, ambos atingidos a 8.000 rpm. O torque máximo, por sua vez, é de 2,10 kgf.m com etanol e 2,09 kgf.m com gasolina, disponíveis a 6.500 giros.

A nova geração do sistema BLUEFLEX traz novo e moderno painel totalmente digital com iluminação em LED vermelho, ainda traz outra novidade: indicador ECO, que acende quando o motor trabalha na faixa de rotação de maior eficiência, indicando uma pilotagem mais econômica. O conjunto ainda traz informações como velocímetro e hodômetro com funções: total e duas parciais (TRIP-1 e TRIP-2) e “Fuel Trip” (de reserva de combustível), relógio e tacômetro de excelente visualização, além das luzes de indicadores (piscas, Blueflex, farol alto, neutro e alerta de motor).

A Lander 250 passa a adotar a luz BlueFlex no painel. Esta, quando acesa de maneira permanente, indica que o Sistema Yamaha de Segurança está em funcionamento. Nessa situação, o condutor deverá aguardar que a luz BlueFlex se apague para engatar uma marcha.

LANDER 2016 Consagrada por seu forte apelo off-road, modelo de 250 cc fica ainda mais completo com a nova geração do sistema bicombustível da marca

Caso o mesmo engate uma marcha com a luz acesa o motor será desligado automaticamente pelo sistema.

Ciclística off-road A Lander 250 é montada sobre um quadro tipo berço semi-duplo em aço e traz balança traseira Monocross com link com curso da roda de 220 mm. Já a suspensão dianteira, está presa por um garfo telescópico, com 240 mm de curso. Já o sistema de freios é hidráulico, com disco em ambas as rodas, sendo o dianteiro com diâmetro de 245 mm e o traseiro com 203 mm. Pronta para oferecer desempenho e aventura, seja pelo asfalto ou pela terra, a Lander 250 é a opção mais indicada para quem busca diversão ao pilotar, sem se preocupar com o caminho.

Para mais informações, fotos e ficha técnica – Acesse: http://www.yamahamotor.com.br/acontece/sala-de-imprensa/press-releases

São Paulo, 05 de maio de 2015. A Fazer 150 já é reconhecida como um dos principais modelos em sua categoria. Lançada em 2013 no Brasil é referência em inovação, design, performance, conforto e economia. Um dos destaques do modelo 2016 é a posição de pilotagem ainda mais esportiva, agregando mais performance para encarar o uso cotidiano, além da praticidade e economia proporcionada pela tecnologia BlueFlex da Yamaha.

A Fazer 150 apresenta uma série de novidades, como: os contrapesos nas pontas do guidão, os espelhos, herdados da sua “irmã” de 250 cc e as novas cores vermelho magenta e azul, que chegam para somar às opções branca e preta com cinza fosco, já disponíveis. As partes do motor, garfo dianteiro e alça da garupa receberam a cor preta, combinando com os novos grafismos que reforçam a proposta mais agressiva da street.

A proposta também se estende para o novo desenho da chave, mais moderno e as pedaleiras com protetor em alumínio, material usado também nas alças de apoio da garupa. O moderno painel ganhou relógio, função fuel trip, lampejador de farol alto e indicador ECO, que acende quando o motor trabalha na faixa de rotação de maior eficiência, indicando uma pilotagem mais econômica.

Além do indicador ECO, continua presente a luz indicadora de temperatura do motor, que quando acesa indica baixa temperatura.

Motor BlueFlex de 150 cc O coração da Fazer 150 é um monocilíndrico de 149,3 cm³ com comando único no cabeçote (SOHC) e de arrefecimento a ar. Pode ser abastecido com gasolina, etanol ou com a mistura de ambos em qualquer proporção. O motor é capaz de gerar até 12,2 cv, quando alimentado com gasolina e 12,3 cv com etanol, ambos atingidos a 7.500 rpm. O torque máximo é de 1,285 kgf.m com gasolina e 1,295 kgf.m com etanol, disponível em a 5.500 giros.

Ciclística equilibrada Montada sobre um quadro tipo diamante feito em aço, a Fazer 150 traz um conjunto ciclístico equilibrado, o que inclui sistema hidráulico no freio dianteiro que conta com disco de 245 mm

YAMAHA FAZER 150 inova e chega ainda mais esportiva Modelo 2016 de 150 cc chega à sua segunda geração com novidades que mantém a motocicleta como o principal destaque da categoria de diâmetro e o freio traseiro a tambor, com 130 mm de diâmetro, de acionamento mecânico. A suspensão dianteira tem garfo telescópico e curso de 120 mm e suspensão traseira amortecida por sistema bichoque, cujo curso é de 92 mm.

Conforto e Esportividade No quesito ciclística, o conceito de esportividade está presente, com destaque para a posição de pilotagem mais próxima às nakeds de média cilindrada, como exemplo: a irmã maior Fazer 250. Isso acontece devido ao novo guidão mais baixo, que tem o nome da família Fazer gravado, e as novas pedaleiras mais recuadas. O conforto, outro item de grande destaque reconhecido na Fazer 150, é proporcionado pela ergonomia ideal para este modelo.

Revisão com Preço Fixo O modelo também será contemplado pela exclusiva Revisão com Preço Fixo Yamaha, na qual o cliente sabe exatamente quanto pagará desde a primeira até a sétima revisão (até os 30.000 quilômetros), permitindo controle, economia, valorização do modelo e maior segurança. Além disso, a FAZER 150 oferecerá linha de peças de reposição Y-TEQ, com qualidade Yamaha e preços econômicos.

Para mais informações, fotos e ficha técnica – Acesse: http://www.yamahamotor.com.br/acontece/sala-de-imprensa/press-releases

São Paulo, 05 de maio de 2015. A Fazer 250 completa dez anos de seu lançamento em 2015. Apresentada ao público brasileiro no Salão Duas Rodas de 2005, a média naked revolucionou a categoria ao trazer pela primeira vez um motor injetado no segmento nacional de 250 cc. Vencedora de vários prêmios, a líder de mercado em muitas regiões do Brasil, recebeu em 2012 a primeira versão Blueflex, sendo a primeira motocicleta bi-combustível da categoria, apresenta agora diversas atualizações no design do modelo 2016. Entre elas, novo tanque com estilo airplane, novas carenagens: laterais, tomada de ar e do farol, deixando a Fazer 250 mais moderna e com porte ainda mais robusto.

A proposta também se estende para o novo desenho da chave, mais moderno, e para a mesa do guidão, com o nome da família Fazer gravado. Já na traseira, a motocicleta conserva o traço dinâmico conferido pela lanterna em LED e o suporte de placa distante da rabeta, comum em nakeds de alta cilindrada como a XJ6 N. Disponível unicamente na versão BlueFlex, a nova Fazer 250 está disponível nas novas cores azul e vermelha, que somam-se as opções branca e preta com cinza fosco. O novo e moderno painel totalmente digital com iluminação branca em LED, ainda traz outra novidade: indicador ECO, que acende quando o motor trabalha na faixa de rotação de maior eficiência, indicando uma pilotagem mais econômica. O conjunto ainda traz informações como velocímetro e hodômetro com funções: total e duas parciais (TRIP-1 e TRIP-2) e “Fuel Trip” (de reserva de combustível), relógio e tacômetro de excelente visualização, além das luzes de indicadores (piscas, Blueflex, farol alto, neutro e alerta de motor).

Além do indicador ECO, continua presente a conhecida luz BlueFlex que quando acesa de maneira permanente, indica que o Sistema Yamaha de Segurança entrou em funcionamento. Nessa situação, o condutor deverá aguardar que a luz BlueFlex se apague para engatar uma marcha. Caso o mesmo engate uma marcha com a indicadora acesa, o motor será desligado automaticamente pelo sistema.

Yamaha FAZER 250 se renova para celebrar dez anos Apresentada em 2005, naked de 250 cc, completa uma década de sucesso com atualizações e tecnologia BlueFlex de série

Motor monocilíndrico BlueFlex O coração da Fazer 250 é um monocilíndrico de 249,45 cm³ com comando simples no cabeçote (SOHC) e de arrefecimento misto, uma vez que conta com o auxílio de um radiador de óleo. O motor com pistão forjado e cilindro revestido de cerâmica dispersiva de calor e é capaz de gerar até 20,7 cv quando alimentado com gasolina e 20,9 cv com etanol, ambos atingidos a 8.000 rpm. O torque máximo, por sua vez, é de 2,10 kgf.m com etanol e 2,09 kgf.m com gasolina, disponíveis a 6.500 giros.

Ciclística equilibrada Montada sobre um chassi do tipo berço duplo feito em aço, a Fazer 250 traz um conjunto ciclístico equilibrado e eficaz, o que inclui sistema hidráulico nos freios a disco das duas rodas, sendo o dianteiro com 282 mm de diâmetro e o traseiro com 220 mm de diâmetro. O modelo traz suspensão dianteira com garfo telescópico e curso de 120 mm e suspensão traseira com balança tipo Monocross com link e curso da roda de 120 mm.

Já o assento em dois níveis, acomoda confortavelmente o piloto e o garupa, que conta ainda com o auxílio das pedaleiras retráteis nas laterais e da alça de apoio na extremidade da rabeta. Com mecânica confiável, design mais moderno e agressivo, além do sistema bicombustível, a nova Fazer 250 enfrenta o dia-a-dia com a robustez de uma motocicleta street e o estilo de uma naked.

Para mais informações, fotos e ficha técnica – Acesse: http://www.yamahamotor.com.br/acontece/sala-de-imprensa/press-releases

Sobre a Yamaha do Brasil A marca dos três diapasões – menção ao conhecido escudo com três diapasões sobrepostos, se estabeleceu no Brasil em 1970 com a Yamaha Motor do Brasil Ltda. Foi a primeira fabricante de motocicletas a se instalar efetivamente no País. Já em outubro de 1974 passou a produzir em Guarulhos, São Paulo, o primeiro modelo nacional, a Yamaha RD 50. Em 1985 se estabelece em Manaus, Amazonas com uma segunda unidade fabril, a Yamaha Motor da Amazônia Ltda. Hoje são 25 diferentes versões e 20 modelos de motocicletas, 07 ATV´s (quadriciclos), 09 WaveRunner (veículos aquáticos), 20 modelos de motores de popa e uma Rede com mais de 500 Concessionárias e pontos de venda autorizadas e capacitadas no atendimento e serviços com qualidade. O Grupo Yamaha Motor no Brasil é constituído por sete empresas, como a Yamaha Motor do Brasil Ltda, Yamaha Motor da Amazônia Ltda, Banco Yamaha Motor do Brasil S/A, Yamaha Administradora de Consórcio Ltda, Yamaha Motor do Brasil Corretora de Seguros Ltda, Yamaha Motor Componentes da Amazônia Ltda e Yamaha Motor do Brasil Serviços e Participações Ltda. Fazem parte do grupo também às filiais Yamaha Motor del Peru S/A, Yamaha Motor Uruguai S/A e Yamaha Motor Argentina S/A. A Yamaha do Brasil é um importante polo produtor e exportador para grupos seletos e exigentes como, Europa, Estados Unidos, Canadá, Japão, Oceania e Mercosul. Para mais informações, acesse www.yamahamotor.com.br, www.facebook.com/yamahamotorbrasil ou www.twitter.com/yamahamotorbra
NOVA YAMAHA TMAX 530 GANHA MAIS ESTILO E TECNOLOGIA O modelo 2016 passou por um completo facelift e ganhou também suspensão dianteira invertida, sistema smart key, nova carenagem frontal e faróis de LED

São Paulo, 20 de setembro de 2015 – Sinônimo de sofisticação e esportividade, o modelo 2016 da Yamaha TMAX 530 traz uma série de mudanças estéticas, ciclísticas e tecnológicas que a deixaram mais bonita, moderna e segura. O seu premiado design evoluiu, deixando a TMAX, uma motocicleta executiva reconhecida pelo design, esportividade, praticidade, exclusividade e luxo, com um aspecto ainda mais arrojado. Uniu a elegância de suas linhas com a alta performance de seu motor; equalizou ergonomia com mobilidade. Enfim, transformou os cálculos da engenharia em grandes doses de prazer e segurança.

Como diferencial, a nova TMAX recebeu suspensão dianteira invertida (upside-down) e suspensão traseira composta por braço oscilante e monoamortecedor. Com esta mudança, a TMAX 530 transmite ao piloto maior estabilidade nas retas e mudanças de direções mais precisas.

Outra novidade é o sistema de ignição via smart key, comum entre carros de luxo e agora estreia na motocicleta executiva da marca japonesa, que permite ligar e desligar a motocicleta por meio de um botão, sem a necessidade de inserir a chave no contato, além de realizar a trava de direção, abertura do assento e corta corrente, localizado no console central. Para completar, a TMAX 530 recebeu ainda uma tomada 12 volts – para carregar ou utilizar dispositivos eletrônicos como, por exemplo, smartphone ou GPS.

Visual agressivo

O desenho da TMAX 530 ficou mais moderno. A carenagem está mais afilada. Recebeu um novo conjunto óptico, com lentes maiores que o modelo atual, e a adoção de faróis de LED, que oferecem iluminação mais eficiente, mantendo as duas lâmpadas acesas tanto com o farol baixo como no farol alto, o que proporciona um ar mais moderno e atual ao modelo, NOVA YAMAHA TMAX 530 GANHA MAIS ESTILO E TECNOLOGIA O modelo 2016 passou por um completo facelift e ganhou também suspensãodianteira invertida, sistema smart key, nova carenagem frontal e faróis de LED garantindo ainda, a redução do consumo de energia.

As luzes de posição também são de LED de alta luminosidade em forma de bumerangue, dando presença distinta ao modelo. Os piscas permanecem posicionados nas laterais da carenagem.
Já o paralama está menor e com visual mais esportivo, compondo uma perfeita harmonia com a carenagem frontal.
Os espelhos retrovisores foram reposicionados – ficaram mais altos – para facilitar o deslocamento entre os carros, oferecendo mais agilidade no trânsito. O modelo 2016 da TMAX traz ainda um painel de instrumentos redesenhado, com mostradores analógicos circulares e tela de LCD com múltiplas informações e com iluminação de fundo vermelho.

Motor e ciclística

Sucesso de vendas na Europa e também no Brasil, a TMAX privilegia a alta performance de seu motor de dois cilindros paralelos, que proporciona acelerações vigorosas. O propulsor bicilíndrico, de 530 cm³, equipado com injeção eletrônica e arrefecimento a líquido, gera 46,5 cv de potência máxima a 6.750 rpm. O motor fica alojado dentro do quadro de alumínio e não preso à roda traseira, como em outros scooters. Com isso, o torque máximo de 5,3 kgf.m (a 5.250 rpm) chega de forma mais vigorosa à roda traseira por meio de uma correia dentada. Para respostas mais rápidas, Yamaha utiliza no TMAX 530 transmissão CVT (transmissão continuamente variável).

Freios com sistema ABS

O sistema de freios é formado por dois discos na dianteira, e disco simples na traseira. O
sistema ABS (anti-travamento) de série oferece frenagens seguras tamanha é a
modularidade e eficiência.

Preço e cores

Com preço sugerido de R$ 49.500,00, a TMAX 530 estará disponível na rede de Concessionárias Yamaha a partir de dezembro deste ano, nas cores Competition White (Branco Perolizado) e Sonic Gray (Cinza Fosco).

Sobre a Yamaha do Brasil

A marca dos três diapasões – menção ao conhecido escudo com três diapasões sobrepostos, se estabeleceu no Brasil em 1970 com a Yamaha Motor do Brasil Ltda. Foi a primeira fabricante de motocicletas a se instalar efetivamente no País. Já em outubro de 1974 passou a produzir em Guarulhos, São Paulo, o primeiro modelo nacional, a Yamaha RD 50. Em 1985 se estabelece em Manaus, Amazonas com uma segunda unidade fabril, a Yamaha Motor da Amazônia Ltda. Hoje são 25 diferentes versões e 20 modelos de motocicletas, 07 ATV´s (quadriciclos), 09 WaveRunner (veículos aquáticos), 20 modelos de motores de popa e uma Rede com mais de 500 Concessionárias e pontos de venda autorizadas e capacitadas no atendimento e serviços com qualidade. O Grupo Yamaha Motor no Brasil é constituído por sete empresas, como a Yamaha Motor do Brasil Ltda, Yamaha Motor da Amazônia Ltda, Banco Yamaha Motor do Brasil S/A, Yamaha Administradora de Consórcio Ltda, Yamaha Motor do Brasil Corretora de Seguros Ltda, Yamaha Motor Componentes da Amazônia Ltda e Yamaha Motor do Brasil Serviços e Participações Ltda. Fazem parte do grupo também às filiais Yamaha Motor del Peru S/A, Yamaha Motor Uruguai S/A e Yamaha Motor Argentina S/A. A Yamaha do Brasil é um importante polo produtor e exportador para grupos seletos e exigentes como, Europa, Estados Unidos, Canadá, Japão, Oceania e Mercosul. Para mais informações, acesse www.yamahamotor.com.br, www.facebook.com/yamahamotorbrasil ou www.twitter.com/yamahamotorbra

Yamaha lança MT-09 Tracer no Brasi

São Paulo, 06 de Outubro de 2015 - Formas vibrantes, agilidade e comportamento cheio de atitude são as características mais marcantes da família MT (Master of Torque). Para somar a elas o conforto, versatilidade e a aptidão touring de um conceito chamado pela Yamaha de Sports Multi-Use Bike, chega ao Brasil, a nova MT-09 Tracer, e o prazer de pilotar é garantido.
O novo modelo da linha MT mescla elementos característicos de modelos esportivos, street e touring, garantindo versatilidade e conforto com um comportamento ágil e emocionante.


A MT-09 Tracer é um modelo completo, com uma extensa lista de itens e de componentes de grande qualidade e alta tecnologia envolvida, que são de série. Ela conta com TCS (Traction Control System), D-MODE com três opções: STD, A e B, exclusivos faróis em LED, painel completo com computador de bordo e tomada 12v, guidão com dois ajustes na distância, banco com duas opções de altura, para-brisa regulável na altura e tanque de grande capacidade (18 litros). Também estão inclusos na lista, motor com tecnologia Crossplane, quadro e balança leves e modernos construídos em alumínio, sub-quadro reforçado e pronto para acoplagem de malas laterais, cavalete central, suspensões amplamente reguláveis, freios poderosos assistidos por ABS (Antilock Breaking System) nas duas rodas, e ainda acessórios de alta qualidade desenvolvidos especificamente para o modelo.
Seu design é tão emocionante quanto a sensação que ela transmite na pilotagem, com linhas arrojadas que inspiram movimento, leveza e conforto. Elas estão presentes na carenagem com estrutura em camadas, nos protetores de mão, percorrendo as laterais, alças do garupa em alumínio até as lanternas em LED.


Ímpeto e respostas emocionantes, as marcas de uma MT O motor que equipa a MT-09 Tracer é o mesmo presente na renomada MT-09. Trata-se de um moderno tricilíndrico em linha com exatos 847 cm³, capaz de produzir a potência de 115 cv a 10.000 rpm e torque de 8,92 Kgf.m a 8.500 rpm. Em seus componentes, foram empregados materiais nobres para colaborar com a redução de peso como a tampa do cabeçote produzida em magnésio e outras inteligentes soluções técnicas na busca pela redução de peso, como o do respiro integrado à tampa de válvulas, mais próximo do filtro de ar, que permite uma grande redução no sistema de mangueiras e tubos de passagens, por exemplo.


A MT-09 Tracer é leve e garante uma ótima relação de peso e potência. Seu peso em ordem de marcha de apenas 210 quilos é um dos menores da categoria – pode ser notada em seu tricilíndrico.


A característica mais marcante deste tricilíndrico batizado pela Yamaha de CP-3 (Crossplane 3 cylinder), é a maneira linear com que ele desenvolve a potência e entrega um torque exuberante, tornando a MT-09 Tracer uma máquina rápida e de dirigibilidade excepcional. Isso acontece graças à tecnologia "Crossplane", na qual os eixos do virabrequim são posicionados a 120 graus. Esta geometria oferece equilíbrio ao motor de três cilindros, compensando as forças de inércia resultantes do seu movimento e faz com que a produção de potência seja contínuo. Por conta desta tecnologia, o som emanado pela MT-09 Tracer é empolgante, com característica esportiva.


O motor conta com duplo comando (DOHC - Dual Over Head Camshaft), quatro válvulas por cilindro, arrefecimento líquido e alimentação por injeção eletrônica de última geração. Por meio dela, o combustível é injetado na câmara de combustão como um “spray micrométrico” por meio de doze orifícios em cada um dos três bicos injetores, tornando a mistura de ar e combustível mais eficiente, permitindo uma perfeita combustão e, consequentemente, respostas mais rápidas e menor emissão de poluentes. Em conjunto com a injeção, trabalha o sistema YCC-T (Yamaha Chip Controlled – Throttle). Sua função é detectar as mínimas ações do piloto no uso do acelerador e transmiti-las a ECU (Eletronic Control Unit), que calcula instantaneamente as quantidades de combustível e de ar que devem ser admitidas no sistema. Com esse recurso, o controle da potência fica sob total controle do condutor, aumentando a interação piloto máquina.


Assim como na MT-09, a nova Tracer também é equipada com a tecnologia Yamaha D-MODE (Drive Mode), que permite ao condutor escolher entre três opções de acordo com seu estilo de pilotagem: STD (standard), A e B.

• O modo STD pode ser utilizado praticamente em qualquer situação, já que a entrega de torque é firme, mas não abrupta, tanto nas baixas quanto nas altas rotações;
• Na opção A, as respostas são mais esportivas que a STD;
• Já a B é a opção mais conservadora entre as três, proporcionando uma pilotagem mais suave.


Em função da vocação touring da MT-09 Tracer, o modelo é equipado com TCS (Traction Control System), como item de série. Ele ajuda a garantir que não haverá perda de tração em situações de baixa aderência. O sistema detecta a tendência da roda traseira girar em falso e reage combinando o controle do tempo da ignição, o volume de combustível na injeção eletrônica e a abertura do acelerador (YCC-T). Tudo para que as respostas sejam suaves. Caso o condutor prefira por não utilizá-lo, o sistema TCS pode ser desligado. Para isso, basta pressionar de forma prolongada o botão TCS localizado do lado direito do painel de instrumentos.
Outras características também ressaltam a MT-09 Tracer como um modelo perfeito para viajar, a começar pelo para-brisa com ajuste de altura, sem a necessidade de ferramentas, bem como a altura do assento do piloto. Para adequar ainda mais a ergonomia e conforto, a posição do guidão também pode ser ajustada. A Tracer traz como item de série o cavalete central, que torna bem mais prático o manuseio da motocicleta quando parada, principalmente com bagagens. Outra característica que denota seu lado touring, está no tanque de combustível de grande capacidade, com 18 litros (incluindo 2,8 litros da reserva).


O painel da MT-09 Tracer é completo e totalmente digital. Intuitivo e de fácil leitura, o display esquerdo mostra velocímetro, conta-giros, indicador do nível do combustível, relógio, TCS (controle de tração), D-Mode e indicador Eco. No direito, o display traz hodômetro total e dois parciais, temperatura ambiente, temperatura do líquido de arrefecimento, consumo total e parcial, autonomia instantânea, tempo de viagem, hodômetro de reserva de combustível e também funções destinadas a componentes que são opcionais, como o de funcionamento das manoplas com aquecimento e do engate das malas laterais.

Junto ao painel, do lado esquerdo, a MT-09 Tracer é equipada com uma tomada 12v para utilização de equipamentos com celular e GPS. Uma segunda tomada (opcional) pode ser instalada do lado direito.


Na nova MT-09 Tracer tem chassi do tipo diamante e a balança confeccionados em alumínio, extremamente leves e resistentes, contribuindo para o baixo peso da moto, que é de 210 kg (em ordem de marcha), e fundamentais para o comportamento preciso e a agilidade. O sub-frame da Tracer é novo, mais longo para maior conforto do piloto e garupa, e reforçado para suportar as demandas de uma motocicleta de forte vocação touring, como o acoplamento de malas laterais e peso extra de bagagem.


A suspensão traseira da Tracer é do tipo Monocross com link, cujo curso da roda é de 130 mm. Tem amortecedor único, com posicionamento mais horizontal, o que beneficia a centralização de massa. O sistema conta com 7 níveis de regulagem na pré-carga da mola e vários níveis no retorno hidráulico. Na frente, a suspensão é do tipo upside-down com 41 mm de diâmetro e 137 mm de curso, com ajuste de pré-carga das molas e retorno hidráulico. Seja na cidade, nas estradas ou mesmo em vias em más condições, esse conjunto garante conforto, agilidade e, sobretudo, estabilidade.


A MT-09 Tracer conta com poderosos freios, o sistema de ABS (Antilock Breaking System) é um item de série, garantindo mais segurança em condições adversas de utilização. Na frente, o conjunto é formado por dois discos flutuantes de 298 mm e duas pinças radiais de quatro pistões opostos. Já na traseira, por um disco de 245 mm e uma pinça simples. Os pedais do freio e também do câmbio são de alumínio forjado, assegurando maior rigidez e menor peso.


A MT-09 Tracer é fabricada em Manaus (AM) e estará disponível em toda a rede de concessionárias Yamaha no início de 2016, nas cores Vermelho Metálico e Matt Gray, com preço sugerido de R$ 45.990,00.


DOWNLOAD PARA FOTOS: www.yamaha-motor.com.br/downloads/imprensa/mt-09_tracer.zip

Sobre a Yamaha do Brasil

A marca dos três diapasões – menção ao conhecido escudo com três diapasões sobrepostos, se estabeleceu no Brasil em 1970 com a Yamaha Motor do Brasil Ltda. Foi a primeira fabricante de motocicletas a se instalar efetivamente no País. Já em outubro de 1974 passou a produzir em Guarulhos, São Paulo, o primeiro modelo nacional, a Yamaha RD 50. Em 1985 se estabelece em Manaus, Amazonas com uma segunda unidade fabril, a Yamaha Motor da Amazônia Ltda. Hoje são 25 diferentes versões e 20 modelos de motocicletas, 07 ATV´s (quadriciclos), 09 WaveRunner (veículos aquáticos), 20 modelos de motores de popa e uma Rede com mais de 500 Concessionárias e pontos de venda autorizadas e capacitadas no atendimento e serviços com qualidade. O Grupo Yamaha Motor no Brasil é constituído por sete empresas, como a Yamaha Motor do Brasil Ltda, Yamaha Motor da Amazônia Ltda, Banco Yamaha Motor do Brasil S/A, Yamaha Administradora de Consórcio Ltda, Yamaha Motor do Brasil Corretora de Seguros Ltda, Yamaha Motor Componentes da Amazônia Ltda e Yamaha Motor do Brasil Serviços e Participações Ltda. Fazem parte do grupo também às filiais Yamaha Motor del Peru S/A, Yamaha Motor Uruguai S/A e Yamaha Motor Argentina S/A. A Yamaha do Brasil é um importante polo produtor e exportador para grupos seletos e exigentes como, Europa, Estados Unidos, Canadá, Japão, Oceania e Mercosul. Para mais informações, acesse www.yamahamotor.com.br, www.facebook.com/yamahamotorbrasil ou www.twitter.com/yamahamotorbra

Tenho interesse
Preencha o formulário abaixo.
Nome
Email
Telefone
Mensagem
// enviar